Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/storage/a/24/e9/ceproesc1/public_html/wp-content/themes/Divi/includes/builder/functions.php on line 5621
Seja um voluntário e mostre a essência de sua atuação na solidariedade | CEPROESC

Arregace as mangas e bora para o novo normal solidário!

CEPROESC participando de arrecadação de alimentos em parceria com a prefeitura, em junho

Quando falamos em solidariedade somos remetidos a uma gama de pensamentos altruístas derivados de crenças obtidas através da nossa vivência e de nossa cultura, principalmente das religiosas, onde é acentuado o dever, com relação a prática da caridade e da solidariedade para sermos considerados pessoas boas.

Sabemos que somos, só não praticamos muito!

Meu artigo na simplicidade semântica será somente um alerta para aproveitarmos o momento e acharmos um “tempinho” para tirarmos de dentro de nós e mostrarmos este ser solidário que devemos ser.  Muitos se protagonizam com o oferecimento de valores monetários neste sistema vulnerável, que nos envolve e que nos envolverá num futuro próximo e talvez longínquo considerando a crise vivenciada pelo mundo em decorrência do COVID-19.  Esta prática, saliento ser de valor imensurável, pois o pouco somado a outro pouco resulta no muito para salvar vidas e colocar alimentos nas mesas dos nossos irmãos, vesti-los e agasalhá-los no inverno em todo sempre, porém, a grande maioria não dispõe de valores monetários, mas sim de um físico perfeito e com tempo para se protagonizar em uma ação ou movimento de solidariedade como voluntário!

Nunca vivemos um chamamento tão de perto e claro para sermos solidários e para praticarmos a solidariedade.

Oportunidade única para colocarmos em prática o nosso “ser solidário” para atuar! Sim, atuar em presença física, ser um ator em sua essência pura de querer e vivenciar o bem a sua volta. Então, vamos começar?

Da nossa casa ligando para nossos próximos: familiares, vizinhos, amigos de trabalho, amigos da vida e assim por diante para levar uma palavra de amizade, um simples “ Como você está? Estou aqui! Precisa de algo?“ Muitos estão sofrendo com a solidão eminente do confinamento.

Após isto, busquemos em nosso bairro, nossa cidade movimentos onde estejam precisando de voluntários para arrecadação, separação e entrega de alimentos e roupas.

Todos estes movimentos estão respeitando, rigorosamente, as medidas sanitárias.

Todos temos mais que um chamamento deste por dia em nosso whatsapp. Nós não podemos perder esta rica oportunidade de ser mais um no todo gerador do bem, do bom.

Tania Scamilhe

Assistente Social, ministra aulas de Saúde e Qualidade de Vida, Diversidade Cultural Brasileira, Direitos Humanos e Segurança Pública.





Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0