Com objetivo de aproximar o Jovem Aprendiz da realidade vivida pelo idoso em situação de vulnerabilidade social e afetiva, o Ceproesc realizou o projeto Sentindo na Pele, em 18 de fevereiro, no Recanto Feliz.

A ação foi organizada pela Coordenação Pedagógica e Assistência Social da instituição e teve a participação de 20 aprendizes. Antes do evento, foi feita uma visita técnica para levantar as necessidades dos envolvidos. No dia do evento, houve bingo, jogos diversos e baile de carnaval.

Além de proporcionar alegria aos participantes, foi estimulado o desenvolvimento humano e afetivo, aproximando o jovem aprendiz da realidade vivida pelo Idoso em situação de vulnerabilidade social e afetiva, estimulando o olhar afetivo para a importância da escuta ativa, uma ferramenta do conceito Comunicação Generosa, onde uma pessoa coloca-se para conversar com outra, presta atenção na sua fala e demonstra interesse verdadeiro pelo assunto.

Durante a organização da atividade, também foram desenvolvidas habilidades dadas na Aprendizagem Teórica como gestão de conflitos; técnicas de negociação; mensuração; ferramentas de planejamento como: 5W2H; Análise SWOT e gráfico de GANTT.

Ceproesc na comunidade – projeto visa levar o jovem aprendiz a ter responsabilidade social, tendo olhar empático sobre situações de vulnerabilidade na sociedade. Entre as ações aplicadas no programa, estão arrecadação de alimentos e agendas em equipamentos da Rede Municipal.